Já tem um iPhone? Descubra se vale a pena trocá-lo pelo 4S

Já tem um iPhone? Descubra se vale a pena trocá-lo pelo 4S

O iPhone 4S chega ao Brasil nesta quinta-feira, meia-noite. Veja se vale a pena trocar seu smartphone da Apple pelo novo modelo

O iPhone 4S começa a ser vendido oficialmente no Brasil à meia-noite desta quinta-feira. As operadoras TIM, Claro e Vivo já divulgaram que vão abrir algumas das suas lojas de madrugada para o início das vendas do novo smartphone da Apple.

Já tem um iPhone? Descubra se vale a pena trocá-lo pelo 4S, Apple, iPhone, Smartphones

O preço regular do aparelho começa por volta de 1.900 reais, mas ao menos uma operadora, a Claro, divulgou que terá descontos para quem contratar um plano de serviços ao fazer a compra. Uma dúvida comum de quem já tem um iPhone é se vale a pena trocá-lo pelo novo modelo. Para ajudar na decisão, listamos o que ganha com a troca quem tem um iPhone 4, 3G e 3GS.

Do iPhone 4 ao 4S
Se você tem um iPhone 4, só vale a pena substitui-lo pelo 4S se você adora fotografar com o celular e está insatisfeito com a câmera do aparelho. O novo modelo traz uma câmera de 8 megapixels capaz de filmar em resolução full HD. E há outros aperfeiçoamentos, como um filtro de luz infravermelha que melhora o contraste e a riqueza de cores das imagens. Considerando tudo, é uma câmera muito melhor que a do iPhone 4.

As outras novidades não justificam a compra de um novo smartphone. O processador do iPhone 4S é mais rápido, mas são raros os usuários que reclamam de lentidão ao rodar aplicativos no iPhone 4. No novo modelo, a Apple consertou o problema da antena que, em algumas situações, prejudica a recepção do sinal no iPhone 4. Mas essa falha também não incomoda a maioria das pessoas.

O assistente de voz Siri é a novidade mais interessante do iPhone 4S do ponto de vista tecnológico. Mas esse software, que permite interagir com o smartphone falando, não funciona em português. Além disso, a maioria das pessoas tende a considerá-lo dispensável.

O iPhone 3G ficou velho
Lançado há mais de três anos, o iPhone 3G, o primeiro vendido oficialmente no Brasil, já mostra sinais da idade. Seu processador fraquinho faz com que fique extremamente lento ao rodar aplicativos mais pesados, como o navegador TomTom. Há cada vez mais aplicativos que não são compatíveis com ele. Um exemplo conhecido é a versão para iPhone do Garage Band, da Apple.

O iPhone 3G também não é compatível com as versões mais recentes do sistema operacional iOS. Ele não tem acesso ao iCloud, o serviço de computação em nuvem da Apple. Não possui bússola, nem giroscópio, nem câmera frontal. Sua única câmera tem resolução de apenas 2 megapixels e foco fixo. É difícil produzir fotos realmente boas com ela.

Quem trocar esse aparelho pelo iPhone 4S ainda verá um salto de qualidade na tela, já que o novo modelo tem quatro vezes mais pixels. Resumindo, se você tem um iPhone 3G e pode trocá-lo, vá correndo à loja garantir seu iPhone 4S.

O dilema do iPhone 3GS
A decisão mais difícil entre trocar ou não de aparelho fica para quem tem um iPhone 3GS. Esse modelo, que deve continuar à venda após o lançamento do 4S, é capaz de rodar praticamente todos os aplicativos para iPhone disponíveis na App Store. Ele também é compatível com as versões mais recentes do sistema iOS e com o iCloud. Assim, para a maioria das pessoas, não há problema em aguardar o iPhone 5, que deve chegar em 2012.

Mesmo assim, quem decidir investir num iPhone 4S terá muitos benefícios. A câmera principal do novo modelo tem mais que o dobro da resolução da do 3GS (que é de 3,2 megapixels apenas). E o iPhone 4S ainda tem a câmera frontal para conversas com vídeo, item ausente do 3GS.

O processador do novo modelo é bastante mais veloz e a tela Retina tem quatro vezes mais pixels que a do iPhone 3GS. Além disso, o iPhone 4S (assim como o iPhone 4) é 3 milímetros mais fino que o 3GS. Embora esses melhoramentos não sejam indispensáveis para a maioria das pessoas, eles certamente são bem vindos.

FONTE/AUTOR: Info

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.