Até onde pode chegar a tecnologia móvel? »

«

»

fev 08

Até onde pode chegar a tecnologia móvel?

Nesta terça-feira, 7, na Campus Party, O pesquisador indiano Sugata Mitra, professor do Massachusetts Institute of Technology (MIT), da Universidade de Newcastle, cientista-chefe emérito da NIIT e especialista em tecnologia e educação, participou de uma mesa redonda.

Até onde pode chagar a tecnologia? tecnologia, celulares, telefonia 
Professor Sugata Mitra na Capus Party 2012.

Mitra afirmou que o celular deixará de existir em até cinco anos. Segundo ele, o celular como conhecemos hoje está com os dias contados. “Estamos há cinco anos do desaparecimento do telefone móvel”, profetiza. De acordo com Mitra, a tecnologia móvel se miniaturizará de tal forma que migrará para dentro do corpo humano. “Foi assim com o gramofone, a televisão, o rádio, o walkman, que foram ficando cada vez menores. Agora é o celular, que condensa várias tecnologias e integra tudo isso num único dispositivo, cada vez menor, mais fino, mais leve e barato”, compara. “Assim como 20 anos atrás ninguém imaginaria a existência do telefone móvel, isso vai acontecer. Imaginem só um ‘Google’ dentro da sua cabeça, o que aconteceria com a educação”. “Como podemos avaliar um aluno que tem o Google dentro da cabeça?”, questionou, “com os computadores dentro de nós, teremos de construir novos métodos, já que a resposta para muitas matérias estará armazenada no nosso corpo”. “Eu peço que vocês me levem a sério, pois isso não é ficção científica”.


História

Dos antigos televisores de válvula com imagem preto e branco (início dos anos 30) para televisores no celular com 3” foram-se quase 80 anos. Foram necessários 20 anos para que os comunicadores planetários imaginados no final dos anos 60 no seriado Star Trek se transformassem em telefones celulares via satélite no ano de 1988 com o lançamento do satélite INMARSAT-C.

O celular foi inventado em 1946 pela Bell. O primeiro celular foi desenvolvido pela Ericsson, em 1956, denominado Ericsson MTA (Mobilie Telephony A), pesava cerca de 40 quilos e foi desenvolvido para ser instalado em porta malas de carros, mas só em 1973 foi que a Motorola passou a desenvolver seu modelo de celular e no dia 3 de abril de 1973, em Nova York, apresentou o modelo Motorola Dynatac 8000X. Usando esse modelo ocorreu a histórica primeira ligação de um aparelho celular, realizada por Martin Cooper, diretor de sistemas de operações da empresa Motorola. O aparelho, muito prosaico, tinha 25 cm de comprimento e 7 cm de largura, além de pesar cerca de 1 quilo.

Em 1979, no Japão e na Suécia a telefonia celular entrou em operação e em 1983 começou nos Estados Unidos. Atualmente existem aparelhos celulares do tamanho de relógios.

Até onde Mitra pode estar certo? Que a tecnologia tem avançado de forma rápida e avassaladora, não há argumentos contra, mas a que velocidade precisaríamos que ela estivesse a ponto de termos circuitos em nossos cérebros no prazo mencionado pelo professor? A tecnologia imaginada por Mitra realmente pode vir a existir, mas em cinco anos?

Fabio Martins para o TechBR

Textos Relacionados:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>