E a Google, hein? Chega de confusão: entenda de vez a estrutura da Alphabet

«

»

ago 12

E a Google, hein? Chega de confusão: entenda de vez a estrutura da Alphabet

O Surgimento da Alphabet, nova holding criada por Larry Page e Sergey Brin, mal foi anunciado e já está dando um nó na cabeça de muita gente. Isso se dá principalmente por conta de todo o papo sobre como o conglomerado concebido pelos pais do Google engloba a própria Gigante das Buscas e diversas empresas irmãs e também pela mudança na liderança da principal marca da família. Enquanto a subida de Sundar Pichai ao cargo de CEO não é tão complicada quando se conhece a história do moço, a mudança estrutural se revela bem mais complexa.

E a Google, hein? Chega de confusão: entenda de vez a estrutura da Alphabet, Google

Ciente de toda confusão a respeito do novo design interno da companhia, o site Business Insider fez um organograma mostrando como cada divisão e produto que antes fazia parte do império da Google fica posicionado sob as asas da Alphabet. A tabela exibe de forma mais clara e visual a nova cadeia de comando, incluindo o responsável por cada um dos maiores empreendimentos do grupo a partir de agora. Confira abaixo a imagem:

E a Google, hein? Chega de confusão: entenda de vez a estrutura da Alphabet

Se ficou alguma dúvida a respeito do que faz cada um desses braços da empresa, pode ficar tranquilo, também há explicação para eles. Nest é a divisão que trata de dispositivos inteligentes para o lar; Calico é o projeto voltado para o aumento da longevidade dos seres humanos; Sidewalk Labs visa a melhoria das cidades com ajuda da tecnologia; Google[x] é o laboratório mais ousado da companhia, responsável por projetos que parecem saídos da ficção científica.

Fiber, apesar de só estar disponível em alguns locais, é o sonho de consumo de muitos aficionados por download, oferecendo conexões de ultra banda larga; Google Capital faz investimentos a longo prazo em tendências do mundo de tecnologia; Google Venture, apesar de parecer similar, aplica dinheiro em outras empresas e iniciativas interessantes; por último, mas longe de ser o menos importante, há a Google, que abriga serviços e produtos ligados diretamente ao consumidor final, como Gmail, Android, YouTube e outros nomes conhecidos.

FONTE/AUTOR: Business Insider, Tecmundo

Textos Relacionados:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>