Conheça as limitações dos Windows Phones de baixo-custo

Conheça as limitações dos Windows Phones de baixo-custo

A Microsoft quer aumentar o portfólio de dispositivos baseados no Windows Phone com sua versão Tango do sistema, que possibilitará que Nokia e ZTE lancem celulares de baixo custo com a plataforma.

Conheça as limitações dos Windows Phones de baixo-custo, Windows Phone, Nokia, ZTE, OS Mobiles, smartphones
Nokia Lumia 610 é o WP mais barato do mercado

Para que o WP funcione perfeitamente e sem travamentos nesses dispositivos, no entanto, algumas funcionalidades já conhecidas e presentes na atual versão Mango serão “capadas” e limitadas em smartphones com apenas 256 MB. Nós já sabíamos disso, mas hoje a Microsoft detalhou melhor quais são essas funcionalidades ausentes dos Windows Phones de baixo-custo.

Quem quiser adquirir um Nokia ou ZTE de 256 MB de RAM, não poderá rodar jogos “com processamento intensivo”, que exigem muito do poder gráfico do aparelho. O controle de podcast para gerenciar suas inscrições também não funcionará. A troca rápida de apps foi eliminada e alguns codecs de vídeos HD foram cortados. Pra completar, o Bing Local Scout e o upload automático de fotos para o SkyDrive também ficaram de fora.

São muitas funcionalidades e provavelmente a mais sentida será a ausência daqueles jogos mais bacanas e bonitos de se ver. Mas ei, é o preço que se paga por smartphones de baixo-custo.

A Microsoft também avisou que, por outro lado, 95% dos apps presentes hoje no Marketplace rodarão normalmente nos Tangos de 256 MB, e que a empresa já está trabalhando com os desenvolvedores para tornar os outros 5% também compatíveis.

A boa notícia é que o Tango também trará novas funcionalidades, como melhorar no envio de mensagens, podendo anexar imagens e vídeos com notas de áudio e ringtones em mensagens de texto. O WP tambem ganhará um novo ícone na barra de notificações, que indicará quando um app estiver acessando suas informações de localização. Por fim, será possível também exportar contatos do telefone para o SIM Card – antes, apenas o caminho contrário era possível, passando contatos do SIM para o celular.

FONTE/AUTOR: Tudocelular

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.